INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Translate

A VOZ DO CAMPINARTE

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

segunda-feira, 14 de julho de 2014

CIDADÃO, O ESTADO BRASILEIRO NÃO PODE DESCONFIAR QUE VOCÊ ANDA PENSANDO, RACIOCINANDO, REFLETINDO


É impressionante a competência, habilidade e a astúcia do estado brasileiro quando empenhado na desmobilização da sociedade num todo.
Suas táticas de desestabilização das famílias são muito eficazes e sincronizadas de tal forma que o país inteiro fica desnorteado durante o tempo necessário para uma nova investida seja dos governos municipais, estaduais e/ou federal. É dada a sociedade um breve intervalo para que a mesma se recupere do choque, mas assim que os cidadãos começam a dar mostras de superação, lá vem outra paulada.
Vale lembrar que nessa (nossa) e só nossa democracia (onde o voto só ser para o eleito – quando que para o eleitor vem tudo na base do conta-gotas), essas instituições trabalham de maneira uniforme, padronizada, em outras palavras, elas falam a mesma língua.
Quando o assunto é deprimir, inferiorizar, humilhar e nivelar por baixo, ninguém mais executa tais tarefas com a categoria, rapidez e eficiência do estado brasileiro.
Esse criminoso estado brasileiro pulveriza pelo país adentro, para desmoralização geral da nação, uma penca de ONGs, fundações, associações, igrejas, centros disso, centros daquilo e como se não bastasse manda a polícia, a milícia, o tráfico de drogas e em muitos casos até as forças armadas, tudo para sufocar o povo.
A (não tão brava assim e desarmada) gente brasileira fica acuada, refém, trancada em suas próprias casas sem o “direito sagrado” de ir e vir contrariando a tão badalada constituição que só serve para inglês ver.
Enquanto o sistema educacional não instrui, a grande mídia cumpre fielmente o seu papel pondo em prática um esquema de desinformação e muitas e muitas propagandas enganosas. E a (não tão brava assim e desarmada) gente brasileira, não tem saída, a não ser a de se deitar no berço esplêndido da ignorância e se fartar de baixaria, novelas, drogas, ora as que são vendidas com a permissão do governo e/ou com as que são vendidas com a permissividade desse mesmo governo.
O cidadão começa a entender que vota, para armar o estado contra si. Sim, porque quando ele mais precisa dos serviços básicos é justamente nessas horas que ele fica na mão... E paga impostos para financiar o crime organizado pelo maior de todos os criminosos – O ESTADO BRASILEIRO.
O cínico estado brasileiro com seus programas e bolsas e cotas, hoje, não tem mais se quer a preocupação de fazer (pelo menos) o dever de casa e lamentavelmente a (não tão brava assim e desarmada) gente brasileira carece no seu dia a dia de coleta de lixo, transporte de qualidade, hospitais, um salário digno, etc., isso acontecendo em pleno século XXI.
Esse nocivo estado brasileiro trabalha para enfiar na cabeça da sociedade que tudo o que acontece hoje em dia é normal. Não, não é normal. É comum, mas não é normal.
Uma prova da eficiência desse mal intencionado estado brasileiro é que a cada dia cresce o número de conflitos no cotidiano da população. Desrespeito, agressões, falta de educação em todos os seguimentos, infelizmente. O objetivo é jogar um contra o outro e não importa as consequências.
Precisamos ficar atentos a todas essas sutilezas desse sistema. O inimigo (útil) número 1, chama-se povo, apesar de votar e pagar impostos.
É isso mesmo o que queremos para nossas famílias?
Cidadão, você precisa apenas tomar cuidado para que o estado brasileiro não desconfie que você esteja pensando, refletindo. Mais cedo ou mais tarde você chegará à conclusão que o governo está errado e é justamente aí que a sociedade corre perigo: quando descobre que ela (a sociedade) está certa e o governo errado; nesse caso, o vingativo estado brasileiro usará sem piedade todo o seu armamento pesado e você será aniquilado. É assim que funciona! (Huayrãn Ribeiro)