INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS
O Campinarte é independente. Não recebe subvenção de nenhuma prefeitura, governo de estado e muito menos do governo federal. Não somos uma organização não governamental, fundação, associação ou centro cultural e também não somos financiados por nenhum partido político ou denominação religiosa. Não somos financiados pelo tráfico de drogas ou milicianos. Campinarte Dicas e Fatos, informação e análise das realidades e aspirações comunitárias. Fundado em 27 de setembro de 1996 por Huayrãn Ribeiro.

Pesquisar este blog

VOCÊ É O VISITANTE

Translate

Edição de Junlo / 2018

CAMPINARTE DICAS E FATOS / O NOSSO JORNAL FALADO

Leia Também

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Cursos gratuitos do Pronatec têm inscrições abertas em Duque de Caxias

O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) foi criado pelo governo federal, em 2011, com o objetivo de ampliar a oferta de cursos gratuitos de educação profissional e tecnológica. A iniciativa realizada em parceria com a prefeitura de Duque de Caxias, através da Fundec, está com inscrições abertas para quatro especialidades: auxiliar de secretaria escolar; assistente escolar (antigo curso de inspetor escolar); recepcionista; e cuidador Infantil. As vagas em aberto são destinadas para pessoas com Ensino Fundamental II (8ª série completa).


Os caxienses interessados nos cursos deverão fazer suas inscrições online (http://pronatec.mec.gov.br/inscricao/), escolhendo o município de Duque de Caxias. Na sequência, o candidato precisará comparecer ao Campus Pedro II - Rua Doutor Manoel Reis, 501, bairro Centenário – Telefone: 2652-2915 - para confirmar a matrícula. As inscrições online ficam abertas até o dia 28 de julho ou até o fechamento das vagas. As aulas acontecerão na unidade do Pedro II em Caxias.


Entre os principais objetivos do programa estão expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio e de cursos de formação inicial e continuada ou qualificação profissional presencial e a distância; aumentar as oportunidades educacionais aos trabalhadores por meio de cursos de formação inicial e continuada ou qualificação profissional; aumentar a quantidade de recursos pedagógicos para apoiar a oferta de educação profissional e tecnológica; além de melhorar a qualidade do ensino médio.