INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Translate

A VOZ DO CAMPINARTE

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

segunda-feira, 9 de maio de 2016

OAB do Rio abre curso para advogados usuários de drogas | Agência Brasil

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil
O grande número de advogados frequentadores de reuniões dos grupos de ajuda Alcoólicos Anônimos (AA) e Narcóticos Anônimos (NA) levou a Comissão de Políticas sobre Drogas da Ordem dos Advogados do Brasil seção Rio de Janeiro (OAB-RJ) a instalar um curso gratuito inédito no país sobre dependência química, aberto não só a advogados e seus parentes, mas a toda população.
Com essa finalidade, o presidente da comissão, Wanderley Rebello, firmou hoje (9) convênio com a Caixa de Assistência dos Advogados do Rio de Janeiro (Caarj) e com o psiquiatra Jorge Jaber, assessor da presidência da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), que ministrará o curso. Rebello disse ter encontrado colegas e conselheiros da OAB em tratamento nas reuniões abertas ao público do AA e do NA, que frequenta a convite de dependentes químicos. Sua ideia é montar um atendimento desses grupos na sede da OAB-RJ. “Temos muitos advogados com esses problemas”, afirmou.
Aula inaugural
O curso tem por objetivo esclarecimentos médicos, terapêuticos e comportamentais sobre o usuário de drogas e seus familiares e repete modelo já usado por Jorge Jaber há mais de 20 anos para formar terapeutas em dependência química na Câmara Comunitária da Barra da Tijuca. O psiquiatra esclareceu que não há qualquer patrocínio ou pagamento aos professores, terapeutas e médicos que participam do curso. “Todos são voluntários. É uma forma de mostrar que é possível se fazer tratamento gratuito, com profissionais de bom padrão”.
A aula inaugural do curso ocorrerá no próximo dia 11, na sede da Caarj, no centro da cidade. Inscrições podem ser feitas pelo telefone 21-2277-2315. As aulas serão sempre às quartas-feiras. Extraoficialmente, há 20 alunos interessados. Além do curso, advogados dependentes químicos e parentes contarão com atendimento gratuito para orientação e aconselhamento no mesmo local, a partir do dia 18 deste mês, aberto também ao público, dependendo do número de vagas existentes. Segundo Wanderley Rebello, tanto o curso quanto ao atendimento terão caráter permanente.
Levantamento
Jorge Jaber informou que o objetivo é que outras entidades possam se mobilizar e abram novas portas para ajudar pessoas que sofrem desses vícios, sobretudo a população carente. Ele acrescentou que o benefício não é só para pessoas atendidas, mas para todos aqueles que querem fazer o bem.
A comissão está fazendo um levantamento em todo o estado, incluindo as 63 subseções da OAB-RJ, para identificar o quantitativo de advogados que apresentam algum tipo de dependência química, incluindo álcool e drogas mais pesadas. Rebello pretende divulgar o resultado da pesquisa no segundo semestre deste ano.
Paul Newman
Para celebrar a assinatura do convênio, haverá exibição gratuita na noite desta segunda-feira, no Cine Odeon, na Cinelândia, do filme O Veredicto, seguida de debate. Produzido em 1983, o filme é dirigido por Sidney Lumet e mostra Paul Newman como advogado alcoólatra e decadente que vê a chance de recuperar sua autoestima quando lhe é dado um caso sobre um erro médico.
Mesmo quando uma quantia razoável é oferecida para se chegar a um acordo e o caso não ser julgado, ele não concorda e decide enfrentar um poderoso grupo, defendido por um renomado e ardiloso advogado. 
Edição: Armando Cardoso