INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS
O Campinarte é independente. Não recebe subvenção de nenhuma prefeitura, governo de estado e muito menos do governo federal. Não somos uma organização não governamental, fundação, associação ou centro cultural e também não somos financiados por nenhum partido político ou denominação religiosa. Não somos financiados pelo tráfico de drogas ou milicianos. Campinarte Dicas e Fatos, informação e análise das realidades e aspirações comunitárias. Fundado em 27 de setembro de 1996 por Huayrãn Ribeiro.

Pesquisar este blog

VOCÊ É O VISITANTE

Translate

Edição de Maio / 2018

CAMPINARTE DICAS E FATOS / O NOSSO JORNAL FALADO

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Google+ Followers

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Educação desenvolve aplicativo para auxiliar na alfabetização de estudantes

PALAVRAS VITURAIS
Para colaborar com a implementação do uso de novas tecnologias nas salas de aula, a Secretaria de Educação de Duque de Caxias (SME), acaba de lançar o aplicativo Palavras Virtuais. A iniciativa, desenvolvida pela Coordenadoria de Desenvolvimento de Software Educacionais (CDSE), tem como objetivo auxiliar professores e alunos da rede de ensino durante o processo de alfabetização. A CDSE é responsável pela criação de sistemas de apoio para os diversos setores da SME, suas subsecretarias e projetos.
Para o subsecretário de Planejamento e Projetos Educacionais, Moisés Silva, o aplicativo é mais uma importante ferramenta educacional a serviço da educação. "As novas tecnologias fazem parte do cotidiano de alunos e professores e devem ser cada vez mais utilizadas como facilitadoras do processo de aprendizagem. O aplicativo, assim como algumas outras iniciativas desenvolvidas pela SME são importantes recursos e ferramentas que estão à disposição da educação municipal", ressaltou o subsecretário.
Segundo o coordenador da CDSE, Adriano Francisco da Silva, os aplicativos educativos são ferramentas que exploram o lúdico, auxiliando no processo de ensino-aprendizagem, e seu impacto é maior quando utilizam tecnologias que estão presentes no cotidiano do aluno. O Palavras Virtuais é programado com imagens, sinais e ações pré-definidas. Quando identifica um marcador (imagem), através da câmera do dispositivo móvel, ele o interpreta e exibe uma resposta, que pode ser desde uma simples forma geométrica até objetos mais complexos, como personagens em 3D, vídeos ou links da internet.
A ideia é que alunos e professores possam viver novas experiências multimídia na alfabetização digital, interagindo com objetos virtuais em ambientes reais. Ao todo, são dezenas de palavras cadastradas que estão separadas em três grupos (animais, cores e frutas). Conheça mais sobre o trabalho promovido pela Coordenadoria de Desenvolvimento de Software Educacional (CDSE) visitando o site da SME, ou diretamente através do endereço eletrônico http://smeduquedecaxias.rj.gov.br/portal/cdse .
Como obter e acessar o aplicativo:
Para obter e acessar o Palavras Virtuais, basta seguir o passo a passo: baixe o aplicativo na Google Play para sistemas Android 4.0 ou superior, digitando PALAVRAS VIRTUAIS na pesquisa; abra o aplicativo; escolha entre animais, frutas ou cores; monte algumas das palavras pré-definidas em letras de forma, digitadas ou com recortes de revistas; projete e fixe a câmera do aplicativo horizontalmente sobre as palavras, com 20 cm de distância.
Educação desenvolve aplicativo para auxiliar na alfabetização de estudantes