INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS
O Campinarte é independente. Não recebe subvenção de nenhuma prefeitura, governo de estado e muito menos do governo federal. Não somos uma organização não governamental, fundação, associação ou centro cultural e também não somos financiados por nenhum partido político ou denominação religiosa. Não somos financiados pelo tráfico de drogas ou milicianos. Campinarte Dicas e Fatos, informação e análise das realidades e aspirações comunitárias. Fundado em 27 de setembro de 1996 por Huayrãn Ribeiro.

Pesquisar este blog

VOCÊ É O VISITANTE

Translate

Edição de Junho / 2018

CAMPINARTE DICAS E FATOS / O NOSSO JORNAL FALADO

Leia Também

quinta-feira, 23 de março de 2017

Instituto Histórico celebra Dia Municipal de Cultura | CMDC

Literatura, história, dança, música e artes plásticas marcaram o Dia Municipal de Cultura no Instituto Histórico da Câmara de Duque de Caxias nesta segunda-feira, dia 20, quando se celebra a data na Cidade, uma referência ao múltiplo artista Francisco Barboza Leite. 
“O Instituto Histórico sempre realiza diversos eventos nessa data, com o apoio da direção e presidência da Câmara Municipal. Nesse ano, temos a abertura da mostra XI EXPOntânea, com pinturas dos alunos do Atelier Inovar-te; o lançamento do livro Zaira e seu passado de andarilha, do professor Francisco Evandro; e o 2º Desapega de Livros, uma iniciativa da Academia Duquecaxiense de Letras e Artes”, explicou a diretora do Instituto Histórico, Tania Amaro. 
Na ocasião também foi realizada uma homenagem à Dalva Lazaroni, que teve seu quadro incluído no acervo histórico do Instituto. “Em nome da família, agradeço essa grande homenagem à Dalva, que tanto se dedicou pela cultura dessa Cidade”, disse o viúvo Paulo Moraes. 
Secretário estadual de Cultura, André Lazaroni também agradeceu a homenagem à mãe. “Hoje, na Secretaria de Cultura, vejo a importância de tudo o que minha mãe falava e lutava. A história de Duque de Caxias é muito rica e precisa ser contada.”