INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Translate

A VOZ DO CAMPINARTE

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Campinarte Educação / Caxias abre 16 mil novas vagas na rede de ensino


A Prefeitura de Duque de Caxias oferece 15.740 vagas para o ano letivo de 2012, em 174 escolas da rede. Destas, cerca de 1.240 são para a educação infantil, 3.900 para o 1º ano, e 11.600 para o 2º aos 9º ano, além da educação de jovens e adultos. O cadastramento para matriculas e renovações deve ser feito em escolas polos mais próxima, até 30 de dezembro, de acordo com a agenda elaborada pela Secretaria de Educação, como indicado abaixo.
Para os alunos e candidatos à educação especial, o atendimento já teve início e se estenderá até 25 de novembro. Esta é uma prioridade do Governo Municipal, que garante vaga para todos os portadores de necessidades educacionais especiais.
Já os alunos da educação infantil, que compreendem as creches (0 a 3 anos) e pré-escolas (4 e 5 anos), devem comparecer às unidades de ensino entre os dias 5 e 9 de dezembro. Os alunos contemplados pelas vagas, definidas mediante sorteio, irão efetivar a matrícula no dia 12 de dezembro.
O prefeito Zito garantiu o processo de matrícula sem fila, disponibilizando um sistema digital para inscrição nas escolas polo. Os pais e responsáveis das crianças interessadas em vagas no 1° ano de escolaridade, deverão comparecer nas unidades de matrículas, de 13 a 21 de dezembro. E receberão sua confirmação de matrícula por correspondência, e-mail e SMS.
Por fim, os alunos que irão cursar do 2° ao 9° anos do Ensino Fundamental, além do EJA (educação de jovens e adultos), terão prazo de 22 a 30 de dezembro para dirigir-se à unidade escolar e efetivar sua matrícula.
A secretária de Educação, professora Roberta Barreto, observa que garantir o acesso e a permanência dos alunos na rede é papel fundamental do governo e tem como principal objetivo a formação de um cidadão digno e honrado, consciente de seus direitos e deveres. “Para isso, descentralizamos o atendimento e estudamos uma forma de aumentar a oferta de vagas em nossas escolas. Estamos na luta para fazer de Duque de Caxias, novamente, a cidade da educação, recebendo os novos alunos de braços abertos”, observou a secretária.