INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Translate

A VOZ DO CAMPINARTE

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Campinarte Homenagem / Fortaleza foi fundada em 12 de abril de 1726


A capital do Ceará hoje é conhecida por seu litoral com praias que atraem turistas do mundo inteiro. Da Praia do Futuro até Barra do Ceará, a cidade respira turismo. Saiba mais sobre esta cidade com os textos que o IBGE Teen preparou para você!
UM MAR DE HISTÓRIA
Bem antes de 1726, Fortaleza já existia. O povoado data de 1604 quando o português Pero Coelho de Souza lá aportou. Ergueu o Fortim de São Tiago às margens do rio Ceará e chamou o povoado em volta de Nova Lisboa.
Oito anos depois, novos portugueses, comandados por Martins Soares Moreno, estabeleceram na cidade um posto de defesa na tentativa de expulsar os franceses. E trocaram o nome do forte para São Sebastião.
Sem os franceses, não tardaram a aparecer novos invasores. Os holandeses dominaram a região até 1644. Construíram o Forte Schooneborck, rebatizado de Fortaleza de Nossa Senhora de Assunção pelos portugueses que lá voltaram para retomar as terras.
Foi com este nome que o povoado foi elevado à condição de cidade em 1726. A nova denominação foi sendo reduzida ao longo dos anos até ficar somente Fortaleza.
CULINÁRIA
Através da culinária se pode conhecer muito da cultura de um lugar. Em Fortaleza, como em todo Ceará, encontramos um pouco dos hábitos alimentares dos portugueses, índios e africanos. Graças a essa mistura, veja como é diversificada a culinária cearense.
NA MESA NÃO PODE FALTAR...
Macaxeira, batata-doce, coco e milho, com os quais se faz bolos, cuscuz, mungunzá, canjica, pamonha e pé-de-moleque. Um dos pratos típicos da região é o baião-de-dois, feito com feijão, arroz, manteiga e queijo de coalho.
CARNE SECA
Com ela se faz a paçoca (carne misturada com farinha de mandioca) que acompanha o baião-de-dois.
OUTROS PRATOS TÍPICOS
A panelada, a buchada e o sarrabulho (ou sarapatel).
PRATOS COM SABOR DE MAR...
Lagosta, inúmeras variedades de peixes, camarão, caranguejo e pratos como a peixada, o camarão ensopado a alho e óleo, o caranguejo cozido, as patinhas a milanesa e o casquinho de caranguejo.
DA CANA-DE-AÇÚCAR...
É extraído o caldo para tomar puro ou fazer rapadura e cachaça.
Para não descuidar da saúde, tem fruta para todos os gostos...
Caju, mamão, coco, manga, goiaba, maracujá, cajá, entre outras.
A CAJUÍNA...
É extraída do caju para se tornar uma bebida fermentada de gosto doce e suave.
Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística