INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Translate

A VOZ DO CAMPINARTE

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

domingo, 20 de dezembro de 2015

Logística de distribuição de equipamentos dos Jogos do Rio terá 2 mil pessoas

O presidente dos Correios, Giovanni Queiroz, visitou na sexta-feira (18) o Centro Logístico dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. É de lá que sairão os equipamentos e mobiliários que serão usados pelos atletas durante os Jogos. De acordo com os Correios, cerca de 2 mil pessoas estarão envolvidas nas operações de logística. No trabalho serão utilizados cerca de 170 caminhões e dois mil equipamentos de movimentação, entre eles, paleteiras, empilhadeiras, trator e guindaste.
A empresa terá que armazenar e entregar 30 milhões de objetos, entre eles, 980 mil peças de equipamentos esportivos, como 2.931 bolas de futebol, 840 de basquetebol, 25 mil bolinhas de tênis e 320 mil alvos de tiro esportivo. Além disso, no mobiliário serão120 mil cadeiras, 18 mil sofás e 25 mil mesas e, ainda, 36 mil bagagens de atletas. 
De acordo com a empresa a operação de logística nos 20 primeiros eventos teste para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, foi concluída com sucesso e foi possível testar o planejamento e o desempenho, nas áreas de armazenagem, de transporte, de distribuição e logística dos materiais esportivos, eletrônicos, utensílios, mobiliários e barreiras, dentre outros equipamentos. Hoje, também, o presidente dos Correios se reuniu com o presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman.
"Ele me disse que está muito satisfeito com a logística dos Correios. Disse que, entre a equipe da Rio 2016, o comentário geral é que, quando acontece um problema, basta procurar alguém de camiseta azul, porque significa que esta pessoa é dos Correios e eles vão achar a solução”, disse.
Para Giovanni Queiroz, trata-se, sem dúvida, de uma logística complexa. "Serão 30 milhões de itens armazenados e entregues para preparar e montar os palcos por onde passarão quase 15 mil atletas de 205 países, em quatro regiões do Rio de Janeiro”, explicou, garantindo que a empresa está preparada para realizar os Jogos Rio 2016, considerado o maior evento esportivo do planeta.
Os Correios informaram que a área total de armazenagem tem 100 mil metros quadrados, divididos em três centros logísticos, dois em Duque de Caxias e um na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio. O espaço é equivalente a 12 campos de futebol.
Os Correios foram selecionados para o serviço por meio de um processo de concorrência internacional. Esta não será a primeira vez que a empresa fará este tipo de serviço. Nos Jogos Pan Americanos de 2007 do Rio de Janeiro, foram responsáveis por todo o transporte e montagem da estrutura da competição. (Agência Brasil)