INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS
O Campinarte é independente. Não recebe subvenção de nenhuma prefeitura, governo de estado e muito menos do governo federal. Não somos uma organização não governamental, fundação, associação ou centro cultural e também não somos financiados por nenhum partido político ou denominação religiosa. Não somos financiados pelo tráfico de drogas ou milicianos. Campinarte Dicas e Fatos, informação e análise das realidades e aspirações comunitárias. Fundado em 27 de setembro de 1996 por Huayrãn Ribeiro.

Pesquisar este blog

VOCÊ É O VISITANTE

Translate

Edição de Junlo / 2018

CAMPINARTE DICAS E FATOS / O NOSSO JORNAL FALADO

Leia Também

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Merendeiras da Rede Municipal de Ensino de Caxias participam de formação em Alimentação Escolar

A Secretaria Municipal de Educação, através da Coordenadoria de Alimentação Escolar e de uma parceria com o SESC Duque de Caxias, promoveu durante os meses de abril e maio, o projeto Cine Saúde, uma formação em educação alimentar, composta por aulas teóricas e práticas para todas as merendeiras da rede municipal de ensino. O curso abordou a importância da alimentação escolar saudável e da formação de bons hábitos alimentares. A última formação aconteceu nesta segunda-feira (3/5), no SESC Caxias.

Entre as questões tratadas no curso estiveram a alimentação saudável, os cuidados com a saúde, técnicas de preparo, higiene e conservação dos alimentos. Todos esses conceitos são fundamentais no preparo da merenda escolar servida nas escolas da rede municipal de ensino. Segundo o subsecretário de Educação em infraestrutura, Robson Carvalho, a SME, as escolas e seus funcionários devem transmitir hábitos de boa alimentação.
“As merendeiras da rede municipal promovem uma alimentação saudável e balanceada, adotando um cardápio variado, pensando na redução do desperdício de alimentos. Durante o curso, elas receberam todas as orientações necessárias para melhorar, ainda mais, o preparo da alimentação servida aos estudantes das escolas municipais”, ressaltou Robson.
O curso foi ministrado no SESC. Durante as aulas, os participantes falaram sobre alimentação consciente, o consumo de alimentos perigosos à saúde, vícios e maus hábitos alimentares, preparo da comida, educação alimentar, como preparar e servir com amor e como fazer com que os alunos sejam estimulados a consumir uma alimentação mais saudável através da merenda escolar.
Durante o curso, representantes da secretaria municipal de Educação reforçaram a importância da alimentação escolar, destacando o papel fundamental das merendeiras como promotoras de uma nutrição saudável. A educação alimentar é um campo de conhecimento de prática contínua e permanente, que busca a promoção autônoma e voluntária de hábitos saudáveis e conscientes, baseada no direito humano do acesso à alimentação adequada e à garantia da segurança alimentar e nutricional.