INFORMAÇÃO E ANÁLISE DAS REALIDADES E ASPIRAÇÕES COMUNITÁRIAS

Notícias da CMDC

Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Google Notícias

Translate

A VOZ DO CAMPINARTE

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Parece que foi ontem .../ Huayrãn Ribeiro

Ele não é mais uma criança! Nós nem percebemos! O tempo foi passando foi passando e não é que o Campinarte Dicas e Fatos (hoje, dia 27 de setembro) está completando 15 anos?
Esse belo adolescente ao longo desses quinze anos tem trabalhado como gente grande.
Tem procurado cumprir o seu papel como veículo de comunicação comunitária promovendo e divulgando o comércio a indústria, a arte, cultura, esporte, isso sem deixar de destacar as carências na área social que tanto afligem nossos bairros: o transporte, saúde, educação, segurança, etc.
É motivo de muito orgulho e satisfação completar quinze anos de trabalho totalmente independente. O Campinarte nunca recebeu um centavo de qualquer prefeitura municipal ou de qualquer governo de estado e muito menos do governo federal, e mais: não somos uma ONG, associação, centro cultural, centro social ou fundação.
O Campinarte não é financiado por nenhum partido político e/ou por nenhuma denominação religiosa.
O Campinarte também não é financiado pelo tráfico de drogas ou por milicianos, o Campinarte não tem sequer vendedores ou agenciadores para captação recursos.
Quando falamos em Campinarte não estamos nos referindo apenas a uma simples marca. Conseguimos imprimir um conceito, graças a um grupo de colaboradores (dos mais variados segmentos sociais) sérios, honestos e com conhecimento de causa. Colaboradores que de maneira espontânea se doam porque são sensíveis a nossa proposta e reconhecem a importância da circulação do Campinarte Dicas e Fatos para Duque de Caxias.
O Campinarte agradece a todos que direta ou indiretamente participam desse que há 15 anos vem trabalhando para ser um informativo cada vez mais digno de todos vocês.
Leiam, comentem e recomendem o Campinarte Dicas e Fatos – Grato pela atenção... Huayrãn Ribeiro